Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]
Santa Luzia Empresas - Se guia Comercial Luziense
Email: Senha:    
 
     
Esqueceu a senha??
Você esta em: Home » $title » Dc-e-reconhecido-no-premio-cdl-bh.html


Home

DC é reconhecido no Prêmio CDL-BH


O DIÁRIO DO COMÉRCIO mais uma vez foi reconhecido por uma entidade de classe mineira pela sua qualidade na cobertura da economia do Estado. Dessa vez, a Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL-BH), através do 9º Prêmio CDL-BH de Jornalismo, concedeu o terceiro lugar na categoria impresso à reportagem “Health techs revolucionam extensão da saúde”, realizada pela repórter Daniela Maciel e publicada em 10 de julho de 2020.

Com o tema “A volta por cima: porquê promover a recuperação econômica dos setores de negócio e serviços de Minas Gerais”, o prêmio reconheceu trabalhos também nas categorias: rádio, TV e internet, além do impresso.

A material mostra porquê a procura pela tratamento da Covid-19 e a premência de gerar processos mais assertivos no setor de saúde jogaram luz a um segmento que já vinha se desenvolvendo: as empresas de base tecnológica dedicadas ao campo da saúde, ou seja, as health techs.

“É uma honra e prazer estar junto com colegas de tamanha conhecimento e ter o trabalho reconhecido em tempos tão difíceis para toda a sociedade. Tratar toda a rijeza da pandemia buscando indicar caminhos, escolher histórias que pudessem inspirar quem estava a ponto de desistir e reconhecer quem estava dando o sumo e mais um pouco foi um duelo quotidiano. Por isso preciso agradecer à equipe do DIÁRIO DO COMÉRCIO – que nunca desiste – e às fontes que estão na material de uma maneira muito privativo. É nosso obrigação concordar o ecossistema de inovação e os pesquisadores mineiros e brasileiros”, avalia Daniela Maciel

O jornalista vencedor em primeiro lugar em cada uma das categorias recebeu R$ 5 milénio em forma de vale-viagem. O segundo e terceiro lugar foram premiados, também em forma de vale-viagem, com valores de R$ 4 milénio e R$ 3 milénio, respectivamente.

Logo em seguida a premiação, a entidade lançou a 10ª Edição do Prêmio. A premiação se torna agora pátrio e ganha novas categorias: cinegrafista, fotógrafo e estudante. Poderão ser inscritas pautas que contemplem as categorias econômicas dos setores de negócio e serviços porquê: representatividade dos setores de negócio e serviços; competitividade empresarial; empreendedorismo; políticas urbanas; políticas públicas e legislação; uso da tecnologia e desenvolvimento sustentável.



Manancial Notícia -> :Fonte Notícia


Todos os direitos Reservados   © - 2021| Hospedado em: Hospedeme  Rss Facebook Siga-me no Twitter You Tube
Desenvolvimento F7 Sistemas
Pinterest