Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]
Santa Luzia Empresas - Se guia Comercial Luziense
Email: Senha:    
 
     
Esqueceu a senha??
Você esta em: Home » $title » Avisa-la-%E2%80%A2-paraiba-online.html


Home

´Avisa lá´ • Paraíba Online


Inflexível

“Não tem varão nenhum que me intimide. Não tem função nenhum maior que a minha consciência.

Melhor caminho

“Tenho me mudo para muita coisa porque tenho comigo a exata compreensão de que o silêncio é remédio para muita coisa. Minha mãe diz ´o que não tem remédio, remediado tá´.

Duração

“Da minha secção, e dos meus, a única coisa que houve foi a cobrança de que o consonância fosse cumprido. Termo, na minha construção de vida, ainda é o maior patrimônio de qualquer ser humano. Dura inclusive, muito mais do que procuração.

Aguardem

“O que há de delito em cobrar que a termo seja cumprida? (…) A carapuça de possíveis ameaças não me cabem. Mas não estou de graçola. Vão aprender a me respeitar. E se for preciso eu vou ensinar isso. Mas vou ensinar com distinção.

Rompimento

“Nem tudo pelo poder. Nunca tudo pelo poder (…) Quando acalmo o coração pela perda recente de dois familiares para a Covid, sofro a perda de um colega de estirão, de uma história de mais de 20 anos juntos, nas comunidades e movimentos sociais de Vale. Só que essa perda é dissemelhante porque não foi para a morte mas para a vida. Para o poder que subiu à cabeça.

Doloroso

“Marinaldo terá para sempre o meu reverência porque a história dele nos exige isso (…) Dividimos por muito tempo esse jeito de fazer política. Hoje não tenho porquê dividir mais a crédito de tê-lo porquê um colega. E isso dói. Dói porque repito: é uma morte para a vida.

Expectativa

“Espero, sinceramente, que a cadeira de presidente não limite, em retaliação ao meu desabafo, as capacidades de meu procuração e do trabalho dos que me acompanham.

Fecho

“Desde o início do ano eu decidi não fazer mais apostas, em zero e em ninguém (…) Nossa cidade é maior que todo o parlamento dela. Graças a Deus! E não vai completar em um anuênio”.

Reconquista

Uma ´fileira´ do PT na Paraíba terá de volta o comando da Secretaria de Lavoura Familiar, que até meados do ano pretérito era comandada pelo ex-deputado Luiz Couto.

Voto enunciado

A garantia foi dada anteontem pelo próprio governador João Azevedo, que em contato com ´petistas aliados´ até externou o libido de votar para presidente em Lula, num eventual segundo vez.

O pormenor

O vereador de Santa Luzia, Bivar Duda, poderá ser a indicação petista para o incumbência.

Pressentimento

“Lula vai dar um banho. Será eleito no primeiro vez”.

Ex-ministro e professor jubilado da Universidade de São Paulo Delfim Netto, em entrevista à revista Veja.

Reprovação

O Tribunal de Contas do Estado reprovou (por 3 votos a 1), ontem, as contas do tirocínio de 2019 do ex-prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo Pires de Sá.

Vínculo…

O voto condutor do relator, mentor André Carlo Torres Pontes, fundamentou a reprovação das contas apontando “o excesso na contratação de servidores sem concurso, a título de fenomenal interesse público”.

… Precário

André Carlo registrou que desde o ano de 2014 o TCE vinha concedendo prazos ao gestor para regularização do problema.

Pequena oscilação

Ele citou que em 2013, quando Cartaxo assumiu o incumbência, existiam 16 milénio contratados. Apesar dos vários concursos realizados, em 2019 esse número manteve-se exorbitante no patamar de 15 milénio.

Desproporção

Ainda conforme o relator, na Prefeitura de João Pessoa 150% dos contratados são por tempo determinado, levando-se em consideração a quantidade dos efetivos.

Transição

Único voto discorde (em obséquio da aprovação), o mentor Arnóbio Viana sugeriu a realização de um ´pacto de adequação de conduta´ com a atual gestão da Capital, visando a regularização gradativa do problema.

A iniciativa foi aprovada pelos demais conselheiros.

Revoltado

Ainda ontem, o ex-prefeito pessoense divulgou uma Nota na qual afirma que “acompanhei com grande inconformismo e indignação” a decisão do TCE, “que mesmo na completa exiguidade de qualquer tipo de dolo, fraude, malversação ou prejuízo ao tesouro público municipal, emitiu parecer prévio pela irregularidade de nossas contas”.

´Obrigação de morada´

“Ressalte-se – segue o texto – que a própria decisão não apontou nenhum ato maligno ao tesouro ou determinou a reembolso de sequer um real aos cofres públicos, inclusive constatou o cumprimento de todos os preceitos da Lei de Responsabilidade Fiscal e a obediência aos índices constitucionais de investimentos com ensino, saúde e pessoal, além de recolhimento de todas as verbas previdenciárias dos servidores”.

Contratações

Ainda de negócio com Cartaxo, “a nossa gestão foi a que mais fez concurso público na história, quando, em 8 anos, foram nomeados mais de 3.800 servidores”, citando ainda que as contas dos anos anteriores de sua gestão não foram rejeitadas por conta do item referido pelo relator.

O pormenor

Atualmente, até por conta do enfrentamento à Covid-19, a PMJP está com 16.041 prestadores de serviços.

Ênfase

Chamo a atenção para as palavras verbalizadas, ao final do julgamento desse processo, pelo mentor-presidente, Fernando Catão.

Conivência

Ele enfatizou que, “evidentemente, isso não pode ser resolvido do dia para na noite”.

Catão foi além: “Ouso manifestar, que o TCE foi cúmplice com essa situação. Chegou-se a essa situação porque o TCE não se pronunciou no tempo oportuno e na hora certa”.





Manadeira Notícia -> :Fonte Notícia


Todos os direitos Reservados   © - 2021| Hospedado em: Hospedeme  Rss Facebook Siga-me no Twitter You Tube
Desenvolvimento F7 Sistemas
Pinterest