Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]
Santa Luzia Empresas - Se guia Comercial Luziense
Email: Senha:    
 
     
Esqueceu a senha??
Você esta em: Home » $title » Temer-amplia-apoio-entre-dissidentes-do-psdb-e-psb.html


Home

Temer amplia espeque entre dissidentes do PSDB e PSB

Na véspera da votação no plenário da Câmara da denúncia contra Temer pelo delito de devassidão passiva, a fala política do presidente garante que avançou na conquista do base de deputados de partidos que estavam na risco de frente da dissidência governista: PSDB e PSB – nascente último, rompido com a associação.

Na bancada tucana, líderes do Planalto estimam que, dos 46 integrantes, entre 20 e 23 deputados estariam com Temer. No PSB, dos 36 representantes do partido, a conta governista indica que 15 ou 16 deputados – que seguem a orientação da líder da bancada na Câmara, Tereza Cristina (MS), ou do ministro Fernando Coelho Filho, de Minas e Energia – também rejeitarão a denúncia contra Temer.

A mudança de cenário aconteceu ao longo do recesso, quando o governo liberou mais de R$ 10 milhões endas para o Ministério das Cidades, comandado pelo tucano Bruno Araújo, atendendo a pleitos de diversos partidos. Segundo líderes, a baixa mobilização contra Temer também poupou integrantes da base da pressão popular, que potencialmente poderia levar ao voto em prol do curso da denúncia.

Além dos votos “sim” ao relatório do deputado Paulo Abi-Ackel (PSDB/MG), que é pela repudiação à denúncia,  o Planalto conta as abstenções e as ausências plenário – que na prática conta porquê votos pró-Temer. Alguns integrantes da base informaram a líderes e ao próprio presidente que para não desagradarem as bases ou afetarem acordos regionais, devem evitar que seu nome conste no pintura de votação. Pelas regras, para mandar para registo a denúncia, os governistas precisam de somente 172 votos.

 

 

&nbsp
&nbsp

Fonte:Christina Lemos


Todos os direitos Reservados   © - 2017| Hospedado em: Hospedeme  Rss Facebook Siga-me no Twitter You Tube
Desenvolvimento F7 Sistemas

Mude para versão para dispositivos móveis deste site